Quero morar junto. Mas estou pronta para isso?




Está na moda casais cada vez mais cedo morarem junto. Mas a decisão costuma ser tomada no calor da emoção, quando a união está em ‘puro romance’ e nem sempre se pensa no futuro. Saber se está na hora certa para morar junto é importante tanto para prezar uma boa convivência como para o futuro do relacionamento.

morar junto

Você já pode bancar as contas?

Se a casa é sua ótimo, mas se não é e se está deixando de morar com os pais, você precisa ter em mente que precisa colaborar com as contas. Pode não estar acostumado a isso, portanto vai precisar planejar seu orçamento colocando gastos como feira básica, água, luz e telefone. Precisa também planejar com o outro como vão ser as despesas: se você paga algumas contas e ele ou ela paga outras ou vão dividir tudo meio a meio.

Você sabe dividir espaço?

Pessoas que moram sozinhas possuem algumas dificuldades em dividir espaço e ter uma segunda pessoa em sua casa. Quanto mais tempo elas moram só, mais tempo será necessário para se acostumar com a ideia de ter gavetas e prateleiras ocupadas com outra pessoa. Pense nisso antes de chamar outra pessoa para conviver com você.

morar junto

Pense no grande passo que é morar junto

Se a ideia de casar te assusta, pense em morar junto como um teste drive. É quase a mesma coisa, mas sem papel assinado. Você vai dividir a cama com outra pessoa, banheiro, sua cozinha e sua geladeira e isso costuma assustar algumas pessoas, principalmente as mais medrosos com o namoro. 

Mas morar junto tem suas vantagens. Você terá uma companhia de dia ou de noite, ajuda nos afazeres de casa e alguém para compartilhar os momentos de folga. Pode ser uma ótima experiência caso curta a ideia de partir para um casamento em breve.

Este site lhe foi útil? Clique no G+1. É muito importante pra nós. Obrigado!

Revenda Roupas

Deixe um comentário