Peguei uma DST com meu namorado: o que devo fazer?




Não tem jeito: se você tem uma vida sexual, corre o risco de ter DST. Claro que há formas de prevenir, mas a confiança no parceiro fazem diversas mulheres abrirem mão da camisinha e confiar em seus parceiros. O mesmo vale para eles, que podem não contar que a mulher não se preveniu antes e podem contrair uma doença, curável ou não (no caso da Aids).

Você vai precisar conversar com ele sobre o assunto

Não é porque é embaraçoso que você deve fugir do assunto. Uma DST é uma doença contraída por relação sexual, o que quer dizer que, se você não a tinha antes e tem um parceiro fixo, com certeza veio dele. Além do seu parceiro estar doente, ele também pode mandar a doença para outras pessoas se tiver outros parceiros. 

Não há porque rodear muito. O foco é dizer que ele ou ela é seu único parceiro e você está doente. O resto da mensagem vai ficar bem claro para o outro, por isso você pode pensar apenas em dizer que ele precisa se tratar. Se isso rompeu com sua confiança, é um passo a se pensar em confiar ou não. Se é um ex namorado, o assunto deve ser tocado também. Nada de deixar para lá, pois você precisa avisar a ele para que não contamine mais pessoas. 

Faça exames periódicos

E peça para o seu parceiro fazer também. Não é vergonha, é necessidade. Você pode contrair doenças a qualquer momento. Por isso, antes de eliminar a camisinha, que tal procurar saber se você corre algum risco? E mesmo sabendo que você é a única parceira do seu namorado (segundo ele), pense em se prevenir sempre. Nunca se sabe o que pode acontecer. Conhecendo ou não, camisinha é a melhor solução para prevenir tais doenças.

Este site lhe foi útil? Clique no G+1. É muito importante pra nós. Obrigado!

Revenda Roupas

Deixe um comentário