Quando Falar De Dinheiro Na Relação




Embora geralmente fazemos tudo ao nosso alcance para evitar falar sobre isso, o dinheiro possui um papel importante no relacionamento. Se você se importa ou não com ele, o saldo da conta que você e seu parceiro possuem em suas contas bancárias pode influenciar muito na relação.

Falar sobre dinheiro é tabu para muitos casais. As relações baseiam-se em muito mais do que apenas dinheiro mas nem sempre os namorados ou maridos entendem desta forma. Como fazer quando o fator renda entra em cena no namoro ou casamento? E quando é o momento certo para falar sobre dinheiro em um relacionamento? Obviamente salários são pessoais  e cada relacionamento é diferente, mas deixar de tocar no assunto pode ser um erro.

Quando Falar De Dinheiro Na Relação

Infelizmente o dinheiro é um assunto inevitável em qualquer relação amorosa

Como conduzir numa boa o dinheiro na relação

Você não precisa dizer o quanto ganha, mas pode deixar claro que não tem problemas com conta. O casal podem encarar o dinheiro na ralação como uma forma de se ajudar e não um martírio para ambos. Deixe as coisas claras e o grande segredo é não esnobar, mostrar seu poderio financeiro ou mostrar que pode mais que ele ou ela. 

O que torna a relação um grande problema é quando um gasta mais que o outro em casa ou compra presentes caros que o outro não pode dar. Mantenha a relação igual: você dá o que pode e ele vai te dar o que pode como presente ou compras de casa e os dois vão se sentir colaborativos.

Quando Falar De Dinheiro Na Relação

Quando Falar De Dinheiro Na Relação

Se um ganha mais, não encare como um desafio a vencer

Se ele ou ela ganha mais trate como algo normal. É bom ter um companheiro bem sucedido e não uma forma de tentar sempre estar a frente, se sentir menor ou ainda tentar chegar a uma conta com o valor dobrado do saldo dele ou dela para se sentir melhor em casa. Dinheiro não é tudo, é apenas um complemento.

Este site lhe foi útil? Clique no G+1. É muito importante pra nós. Obrigado!
Revenda Roupas

Deixe um comentário