Como falar com um adolescente sobre bulimia




Muitas mulheres jovens e homens sofrem com o distúrbio alimentar conhecido como bulimia. Adolescentes impressionáveis muitas vezes absorvem as dicas das muitas propagandas com modelos magérrimas em roupas da moda e buscam isso vomitando o que comem ou ingerindo a menor quantidade de alimento possível. É importante falar com os adolescentes, de ambos os sexos, sobre a bulimia e outros distúrbios alimentares.

Perceba que você sozinho não será capaz de resolver um transtorno alimentar como a bulimia, mas informações apresentadas aos adolescentes podem ajudar a prevenir a sua ocorrência ou podem levar  a criança a procurar ajuda. Se o problema já estiver em sua casa, você precisa de informações claras e não acusações ao vento jogadas em seus filhos.

bulimia

Saiba que seu filho não vai pedir ajuda se estiver com a doença. Tenha em mente que os adolescentes são muito egocêntricos por natureza e geralmente usam uma fachada que eles não precisam de adultos para nada. O melhor é que, ao ter esta conversa, você mantenha um tom calmo e ouça atentamente qualquer feedback que receba sobre o tema.

Diga o que é bulimia claramente

Descreva a bulimia e as preocupações que são causadas com a doença. Para muitas pessoas, os transtornos alimentares estão associados com a perda de peso intensa de um povo anoréxicos e bulímicos se esquecem de que podem não serem tão magras mas ainda sofrerem de um transtorno alimentar.

Responda a quaisquer perguntas que as crianças têm e tenha a certeza de encontrar respostas para as perguntas que não tiver certeza. Contudo, deixe ele inteirado o máximo possível sobre o assunto.

bulimia
Mostre que você está disposto a ajudar

Relembre ao adolescente que se ele está preocupado com ele mesmo ou com um amigo, há muitos adultos disponíveis para partilhar a sua preocupação, incluindo pais e professores ou parentes próximos. O jovem não está sozinho e precisa entender isso.

Procure ajude, ele pedindo ou não

Se seu filho sofre de bulimia, procure ajuda profissional de médicos e psicólogos. Sozinhos os pais podem não dar conta do problema, e ele pode causar a morte em casos mais graves.


Este site lhe foi útil? Clique no G+1. É muito importante pra nós. Obrigado!
Revenda Roupas

Deixe um comentário