Como Se Dar Bem Com Enteado(a)




Para o enteado o novo companheiro de seu pai ou sua mãe é mais alguém na família que ele não quer ou não espera que esteja presente. Isso quer dizer que a aceitação de um novo companheiro para seu pai ou mãe não vai ser fácil, nada agradável e por isso o começo da relação entre madrasta e enteado ou padrasto pode ser terrivelmente traumatizante caso seja feita de forma errada.

Como Se Dar Bem Com Enteado(a)

Como Se Dar Bem Com Enteado(a)

Você não é pai e nem mãe e não tente ser um

Você terá um problema se tentar ser um pai, principalmente se ele ainda estiver vivo. Você não é pai é apenas um novo companheiro e no máximo amigo e tentar tomar este lugar é tirar o direito da criança de escolher quem vai amar ou não. Já é duro não ter os pais juntos e ainda ter novos membros não selecionados pode ser bem cruel. Pense em você mesmo tendo um dos seus pais substituídos por um novo membro e talvez seja mais compreensível sobre este assunto.

Seja um amigo presente, mas não force a amizade

Uma boa forma de chegar perto de seu enteado é ser um amigo presente. Se ele pedir ofereça conselho, se não apenas observe e eventualmente ofereça ajuda como a um amigo seu, mas sem forçar. Esta foi a forma que você conquistou seus amigos de anos de vida então pense nele do mesmo jeito.

Não force respeito. Conquiste-o.

Ele não vai te respeitar logo de início, então não force isso. Se há uma atitude errada por parte do enteado repreenda-o de igual para igual, como a um colega que o machucou mas não como pai para filho. Isso vai fazer com que a relação fique mais abalada porque na mente do enteado você quer ser seu pai e isso ele não vai aceitar. Em troca use o argumento que não se age de tal forma com outra pessoa, não apenas com a madrasta.

 

Este site lhe foi útil? Clique no G+1. É muito importante pra nós. Obrigado!
Revenda Roupas

Deixe um comentário