Meu Filho Sofre de Depressão. O Que Fazer?




A depressão é um problema que não tem idade para acontecer. Pode vir na idade adulta, infantil e quando adolescente e em cada fase da vida surge de uma forma. Para os pais pode parecer um problema simples de tristeza, alguns amigos dizem que é apenas algo passageiro, mas na vida real é uma doença que em casos mais graves pode levar até a transtornos graves e suicídio. O que fazer quando seu filho aparece com este problema?

depressão infantil

Observe seu filho

Ele está triste não é sinal de que está com depressão. Há um conjunto de sintomas que podem aparecer todos de uma vez ou em partes que devem ser analisados antes que o alarme mental se faça. São eles:

– baixo rendimento na escola

– falta de apetite. Ele pode fingir que já tenha comido para não dar bandeira e esconder seus reais sentimentos, mas não deve ter se alimentado bem por dias.

– desinteresse por atividades que costumava fazer sempre. Ele pode amar videogame mas de repente não toca mais nele. Também não tem vontade de jogar bola ou brincar com os amigos.

– ele chora sem motivo necessário. Qualquer pequena derrota como uma nota baixa vai fazer com que ele se sinta mal, depressivo e sem vontade de viver. Vai querer desistir de tudo e chorar. 

– ele vai querer sair de casa, mudar de cidade. Crianças e adultos depressão acham que sua vida não tem sentido e querem largas os estudos, trabalho, família, porque acham que nada importa.

depressao infantil

Se todos os sintomas são depressão, contacte um profissional

Na maior parte das vezes os pais não conseguirão resolver sozinhos. A depressão é algo bem mais profundo para se tratar com apenas uma conversa. A maior parte dos pais vai tentar resolver sozinho dando apoio, carinho, atenção, afeto e tudo o que está em suas mãos e não vai entender e irá frustar-se quando nada resolver. Infelizmente não é culpa sua: seu filho não sente a mesma coisa sobre o mundo que você sente e um profissional é que pode tratar tal problema.

Sem alarmes e sem pânico, contacte um profissional especializado para um tratamento profundo e não force a criança a fazer coisas que ela não queira para se animar. Apenas deixe que ela mesma sinta vontade ou pode agravar ainda mais a sua insatisfação com a vida.

Procure o que está a seu alcance

Seu filho está depressivo e, dependendo da idade dele, as causas podem estar dentro de casa. Já pensou sobre o assunto?   As vezes os pais podem influenciar no problema sem saber. Pode ser por um divórcio recente que afetou muito a criança, cobranças sobre o seu rendimento escolar em exagero, tentar direcionar a personalidade da criança ou adolescente contra a vontade do que ele quer, dentre outras coisas.

Procure o que está ao seu alcance para mudar o quadro do seu filho e tente reverter a situação. Cobre menos, seja mais compreensivo e mais relevantes quando ele cometer um erro. Procure orientação profissional do que você pode mudar em casa para tornar o ambiente do seu filho mais agradável e assim fazer sua parte.

Este site lhe foi útil? Clique no G+1. É muito importante pra nós. Obrigado!

Revenda Roupas

3 Comentários

  1. Mírian Sant'Ana says:

    Eu não sei mais o que fazer. Minha filha se corta e já tentou se matar 3 vezes.

  2. Daniela says:

    Minha filha de 19 anos tentou suicidio a pouco tempo.A levei a um psiquiatra e ele passou dois medicamentos de imediato por dois meses.A encaminhou pra um ser acompanhada por psicólogo.As vezes parece estar bem e no outro está completamente desanimada.Estou desempregada e só tenho meu amor e carinho pra ajudar lá.

  3. Fabiana says:

    Preciso d Socorro pro meu filho

Deixe um comentário